Guia dos estaduais amazonense, rondoniense e roraimense

Hoje (04/01), finalizando a minha parte estarei analisando os campeonatos dos Estados de Amazonas, Roraima e Rondônia

 

Campeonato Amazonense:

Como em anos anteriores, são 8 equipes que disputam duas etapas ambas com semifinal e final, os vencedores dos turnos se enfrentam no embate decisivo.

 

Fast Clube:

O treinador português Paulo Morgado conta com o experiente lateral-direito Wagner Diniz (foto) ex-Vasco como expoente da tentativa de sair do vice-campeonato estadual.

   

Iranduba:

Conhecido pela força do futebol feminino, o Iranduba quer chegar a Série D do próximo ano com a presença do técnico português Fernando Lage.

 

Manaus:

O técnico João Carlos Cavalo tem o melhor elenco a disposição, apesar de estar longe daquele investimento que o deixou próximo do acesso a Série C. Os destaques são: O goleiro Milton ex-Maranguape, o zagueiro Martony ex-Remo, o meia Rossini ex-Icasa e o atacante Assisinho ex-Ceará.

 

Nacional:

O Naça ensaiou uma reação, após a notícia de um grupo chinês ter comprado o clube, mas isso não passou de mera especulação, a indefinição ainda paira pela agremiação.

 

Penarol:

O treinador Walter Lima vai ter trabalho para montar o elenco para pelo menos não cair de divisão.

 

Princesa:

O técnico Marquinhos nascido na cidade de Manacapuru (sede da equipe) tem o objetivo de levar o clube a Série D.

 

Rio Negro:

O 16 vezes campeão estadual padece também, por isso não temos informações sobre elenco.

 

Sul-America:

O treinador Marcelo Galvão permanece no elenco e o objetivo é de não cair.

 

Campeonato Rondoniense:

Em um estágio um pouco mais elevado do que o roraimense, Rondônia tem 10 times e os embates começam dia 2 de fevereiro, com grupos de cinco. Os dois primeiros vão para semifinal e o último lugar é rebaixado.

 

Barcelona e Real Ariquemes mesmo na Série D não fizeram investimento considerável no momento.

Genus, Guajará, Guaporé, Porto Velho, Rondoniense e União Cacoalense não temos informações a priori.

 

Ji-Paraná:

Apesar de não apesar entre os favoritos fez investimento para assegurar uma vaga na Série D quem sabe, os destaques são: O zagueiro André Morosini ex-Marist (Ilhas Salomão) e o meia Wanderson ex-Juventude.

 

Vilhenense:

É o dono do medalhão do estadual, o atacante Fabiano Oliveira ex-Flamengo certamente vai colocar experiência a disposição do elenco.

   

Campeonato Roraimense:

O estadual inicia dia 9 de março (sábado) e terão até o fim desse mês para confirmarem presença no campeonato. Até o momento São Raimundo (atual tricampeão), GAS, Náutico, Rio Negro e Roraima demonstraram interesse. Ainda existe indefinição entre as outras equipes do certame.