Aqui não Xará!

Fotos: Bruno Cantini / Atlético

“Sou atleticano…. alvinegro vingador
Pro galo eu canto……minha paixão , o meu amor”

OK,OK,OK o Atlético não jogou o seu melhor futebol mas cumpriu o dever de casa e conquistou uma importante vitória pelo placar mínimo de 1 a 0 em cima do Atlético-PR na manhã deste domingo, na Arena Independência, em Belo Horizonte.

O JOGO 

Foi um jogo muito truncado mesmo muito desfalcado “O Furacão” teve boa atuação, principalmente na parte tática, mas desperdiçou as chances a gol . O primeiro tempo foi marcada pelo domínio da posse de bola do time Mineiro, que tinha espaço até a intermediária, mas muita dificuldade para passar pela boa marcação do Atlético-PR que, por sua vez, tentava explorar os contra-ataques.

Fotos: Bruno Cantini / Atlético
Fotos: Bruno Cantini / Atlético

PEDALOU ,BALANÇOU O ROBINHO É GALO!

Aos 9 minutos o jogo estava muito disputado mas o gol saiu quando Carlos passou a bola entre as pernas de Thiago Heleno na entrada da área pela direita e sofreu pênalti claro do zagueiro paranaense. Robinho fez a cobrança com categoria, no canto direito do goleiro, que pulou para o outro canto: Galo 1 x 0.

Fotos: Bruno Cantini / Atlético
Fotos: Bruno Cantini / Atlético

ESTRÉIA DE OTERO!

Fotos: Bruno Cantini / Atlético
Fotos: Bruno Cantini / Atlético

Aos 15 minutos do segundo tempo Marcelo Oliveira conversa com o jogador venezuelano, que atuou pela primeira vez no Independência.

E aí Massa o que acharam? 

Com esse resultado o Atlético fica temporariamente na vice-liderança com 38 pontos.O time Mineiro aguarda o resultados das outras equipes. Para continuar na cola do Palmeiras o time mineiro torce contra o Santos, que enfrentará o Coritiba, às 18h (de Brasília), no Couto Pereira, e o Corinthians, que encara o Vitória, nesta segunda, em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 1 x 0 ATLÉTICO-PR
Motivo: Campeonato Brasileiro (21ª rodada)
Data: 21/08/2016
Hora: 11h
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gol: Robinho (39′ – 1T)
Público: 17.465
Renda: R$836.175,00
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (Asp. Fifa/SC)
Auxiliares: Neuza Inês Back (Fifa/SC) e Alex dos Santos (CBF-1/SC)
Cartões amarelos: Thiago Heleno, Sidcley (Atlético-PR)

Atlético
Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Ronaldo e Fábio Santos; Leandro Donizete, Lucas Cândido e Maicosuel (Yago); Carlos (Otero), Robinho (Clayton) e Lucas Pratto. Técnico:

Marcelo Oliveira.

Atlético-PR
Santos; Rafael Galhardo (Juninho), Wanderson Thiago Heleno e Sidcley; Marcão, Matheus Rosseto (Luciano Cabral), Renan Paulino, Marcos Guilherme (Yago), Lucas Fernandes; André Lima. Técnico: Paulo Autuori.