Cascavel CR será investigado pela Polícia Civil, por falsificação de testes de Covid-19

Por solicitação da Polícia Civil, a Federação Paranaense de Futebol entregou documentos solicitados para se fazer uma investigação, sobre a denúncia de falsificação de testes de Covid-19, que teria acontecido na equipe do Cascavel CR. A denúncia foi feita antes do jogo contra o Athletico, que aconteceu na última quinta-feira.

Na última sexta-feira, a Federação Paulista (FPF), informou por meio de nota, que entregou a documentação solicitada, e o caso foi entregue também à Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), para as devidas anállises.

A investigação será por causa de quatro jogadores que foram vetados na Arena da Baixada, momentos antes do jogo contra o Athletico, sendo três titulares, Lapa, Gabriel e Castro, além de Enzo, que não estava entre os relacionados. O departamento médico do Cascavael afirmou que os jogadores sentiram febre, enquanto a Federação afirma que os exames de Covid-19 foram falsificados.

Horas depois da partida, por meio de uma nota oficial, a Federação afirmou ser “tentativa de falsificação de exames RT-PCR para detecção da Covid-19 dos jogadores citados que participariam da partida. Segundo o laboratório contratado para fazer os exames, os resultados foram falsificados, além dos documentos enviados à Federação. Ainda segundo o laboratório, são 14 laudos irregulares e não apenas quatro.

Surpreso com a situação, o presidente Tony Almeida garantiu que será feita uma investigação interna para entender os fatos e se tomar as devidas providências. O técnico Luiz Carlos, após o jogo, pediu demissão e afirmou que os jogadores não fizeram os exames de Covid-19.

(Foto: CCR)

57 anos de Romário: números e principais conquistas Dois anos de Hulk no Galo: veja números e conquistas Vai precisar! Veja possíveis substitutos de João Gomes no Flamengo Cruzeiro: quem ainda pode chegar e quem não vem mais?