Estreia, retorno, homenagem e festa com o adversário; veja os bastidores da classificação do Athletico na Copa do Brasil

Foto: Angelin Junior/torcedor

Na última terça-feira (10), o Athletico superou o Tocantinópolis por 4 a 0, somando 9×2 no placar agregado e selando a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil.

Às 21h30 de uma terça-feira, com frio e chuva em Curitiba, mais de 11 mil torcedores foram acompanhar a estreia de Luiz Felipe Scolari no comando do Furacão.

Felipão fez o ‘feijão com arroz’, escalando os jogadores em suas posições originais, sem improvisações, o que agradou muito a torcida do Athletico.

Aos oito minutos, foi concedida uma salva de palmas a Barcímio Sicupira. O craque da camisa 8 completaria 78 anos em 10 de maio de 2022.

Quem também estreou pelo Furacão foi o zagueiro Dedé, de 33 anos. Com histórico de lesões, o veterano rescindiu recentemente com a Ponte Preta e chegou de graça ao Furacão com um contrato por produtividade.

Esse jogo também marcou o retorno de Matheus Babi após 289 dias afastado dos gramados. A última partida do atacante foi em julho de 2021, contra o Internacional. Na ocasião, o ‘cria’ se machucou praticamente sozinho durante a partida.

Após o apito final, Jefferson, goleiro do Tocantinópolis, foi até a torcida atleticana tirar algumas fotos. O arqueiro recebeu um boné, uma bandeira e uma camisa do Furacão. Foi constatado também que o goleiro de 23 anos ofereceu uma fruta e uma água a torcedores que estavam atrás do banco de reservas da equipe visitante.

Após a substituição do Tocantinópolis, Alan Maia saiu aplaudido pelos torcedores do Athletico após uma boa partida, apesar da derrota.

Cruzeiro: quem ainda pode chegar e quem não vem mais? Os azarados! Os goleiros em atividade que atuaram no Cruzeiro durante a “Era Fábio” Os jogadores em atividade com mais gols marcados pelo PSG Os jogadores em atividade com mais gols marcados pelo Atlético-MG