Atlético-MG entra na briga contra o Grêmio por Cavani

A informação do possível envolvimento do Atlético Mineiro na negociação com o atacante Edinson Cavani surgiu no início da noite desta quinta-feira (24), sendo divulgada em primeira mão pelo jornalista Leonardo Meneghetti, da Band-RS, mas em seu canal pessoal no Youtube.

Segundo informado pelo jornalista do Rio Grande do Sul, o Atlético Mineiro, dirigido pelo técnico argentino Jorge Sampaoli, observou as tendências de mercado e da negociação envolvendo o atacante uruguaio, e enxergou com bons olhos a decisão de Cavani de ‘deixar’ o futebol europeu e ‘aceitar’ jogar no Grêmio, no caso, em solo brasileiro.

A partir disso, e com ajuda da MRV, o Galo entra na briga para contratar o atacante de 33 anos que deixou o PSG. O clube mineiro conta, como já dito, com um suporte e tanto do mecena Rubens Menin (MRV), que há meses atrás, em live com o jornalista Jorge Nicola, admitiu o desejo de ver o centroavante atuando com a camisa alvinegra.

Entretanto, o Grêmio entrou primeiro na negociação – e possui prioridade na briga – todavia, não significa que está fechado, já que o próprio presidente do clube tricolor admitiu que as tratativas são complicadas.

Ainda segundo divulgado nessa semana, o Grêmio pagaria cerca de R$ 2 milhões de reais menais de salário para Edinson Cavani, em um contrato de três anos. O mercado europeu está próximo de fechar e o uruguaio mostra que não pretende seguir atuando no ‘Velho Continente’, o que abre ainda mais brecha para a negociação com o Galo.

Foto de capa: Getty Images.

Resta1

Vinícius França

Colunista e apreciador do futebol sudaca. Valorize o nosso. Que mi vida la maneje Alberto Fernández.