Sampaoli teria cobrado Galo por salários atrasados e ameaçado deixar o clube; assessoria nega

O atual técnico do Galo, Jorge Sampaoli não está nada satisfeito com a diretoria atleticana. Além das cobranças frequentes por reforços, o argentino, dessa vez, se irritou com os atrasos salariais dos jogadores. Por isso, o treinador, que tem contrato até o fim de 2021 com o Atlético-MG, ameaçou, até mesmo, deixar o clube em dezembro deste ano.

De acordo com a informação inicialmente divulgada pela Rádio Itatiaia os salários de julho e agosto estão em atraso. Além disso, é importante pontuar que quando chegou ao Galo, a diretoria e investidores prometeram a Sampaoli salários do grupo em dia. Portanto, o não cumprimento dessas e de outras promessas tem irritado o treinador.

Cobranças e atritos entre Sampaoli e Galo

Desde a primeira rodada do Campeonato Brasileiro, quando o Atlético venceu o Flamengo por 1 a 0 no Maracanã, Sampaoli tem pedido constantemente a contratação de novos reforços. Entretanto, não tem sido atendido. O último exemplo aconteceu na noite de ontem (15) quando ele mesmo pediu a contratação de Thiago Neves, ex-Cruzeiro, o que não se concretizou. Nesse caso, por mais que ele não tenha ficado satisfeito, o técnico argentino entendeu a situação.

Outra situação que não foi vista com bons olhos internamente, foi a colocação de Leo Sena para empréstimo. Isso porque, a contratação foi a pedido do próprio Sampaoli, que não o utilizou como o esperado. Ao todo, o Atlético-MG já gastou mais de R$ 100 milhões em contratações nesta temporada, já que prometeu um time competitivo para treinador e comissão técnica. Entretanto, não parece ser o bastante.

Assessoria do Galo negou cobrança

Em contato com a nossa reportagem, a assessoria do Galo negou que Sampaoli tenha feito tais exigências à diretoria atleticana. Além disso, assegurou que o “clube sempre tenta evitar eventuais atrasos de salário e que faz todos os esforços para os colocar em dia, sobretudo em um momento financeiro delicado, quando a arrecadação está prejudicada devido à pandemia.”

Foto de capa: Bruno Cantini / Agência Galo / Atlético

Resta1

Guilherme Alves

Editor-chefe, repórter, redator, comentarista e âncora. Falo sobre futebol, basquete, futebol americano e automobilismo.