Avaí perde em casa para a Ponte Preta

O Leão da ilha recebeu a Ponte Preta, nesta sexta-feira (11/09), pela a nona rodada da Série B. O Avaí tinha a chance de se recuperar em casa, já que vinha de derrota para a Chapecoense por 1 a 0, na Arena Condá. Novamente a vitória não veio, mas desta vez uma coisa ficou clara para a nação Avaiana, se não houver uma mudança no Sul da ilha, o Avaí não vai passar de um time de meio de tabela.

Jogo

O Avaí foi um time muito mais de transpiração, com jogadores correndo errado, do que inspiração, com jogadas bem trabalhadas. Se tem algo para pincelar de bom, é o volante Jean Martim. Ele cobre os espaços, recompõem bem e auxilia muito bem na saída de bola. Além disso, também podemos destacar o Kelvin, que fez um primeiro tempo interessante, no entanto caiu um pouco no segundo. Da mesma forma, outro que merece um destaque é o Valdívia porém o destaque dele é negativo.

Valdívia, hoje ele se demonstrou mais desligado do jogo do que no normal , perdeu um gol de cabeça no começo do jogo incrível. Mas o seu ”poko” futebol na noite de hoje ficou claro, quando ele bateu três escanteios consecutivos da mesma forma. Nos três ele tentou o gol olímpico, nos três ele errou bizonhamente.

O gol da Ponte Preta saiu num pênalti, Pedro Castro falhou no domínio da bola, e acabou comentando um pênalti bobo. João Paulo, ex-Avaí converteu para os visitantes. As mudanças feitas pelo o Geninho no jogo de hoje, foram basicamente nulas, não acresceram nada de novo. Em resumo, o Leão da ilha que tinha como objetivo o acesso para a Série A, e até mesmo o título, não passa de um time que vai ficar no meio da tabela.

Foto de capa: André Palma Ribeiro/Avaí F.C.

Resta1