Koeman culpa Laporta por sua saída do Barcelona: “O problema começou quando trocou o presidente”

Foto: David Ramos/Getty Images

Ronald Koeman deixou o comando do Barcelona em 21 de outubro de 2021, após derrota por 1×0 contra o Rayo Vallecano, pela La Liga. Pouco menos de um anos depois, o holandês comentou sobre sua saída e colocou a culpa em Laporta.

O vestiário não estava contra mim, o problema começou quando trocou o presidente. Como presidente, você pode ter dúvidas em relação ao treinador, mas não pode falar isso publicamente. Esse foi um grande erro de Laporta“, disse o comandante em entrevista para o programa “Vacas Sagradas” do TV3, canal espanhol.

Laporta e Koeman tiveram um relação conturbada e cheia de atritos nos sete meses em que estiveram juntos na equipe catalã. Isso, junto aos resultados abaixo do esperado, fizeram com que o treinador saísse antes do fim do contrato, que era até maio de 2022.

O holandês esteve no comando da equipe blaugrana em 67 jogos, conseguindo 40 vitórias, 11 empates e 16 derrotas. Além dos 60,1% de aproveitamento, o treinador conquistou a Copa do Rei da temporada 20/21.

Relembre a primeira escalação de Jorge Jesus pelo Flamengo em jogos oficiais Os melhores jogadores das últimas 10 edições do Mundial de Clubes VAI REVERTER? A provável escalação do Corinthians para enfrentar o Atlético-GO pela Copa do Brasil Relembre a primeira escalação de Guardiola como treinador do Barcelona em um jogo oficial