O problema do Barcelona em relação ao mercado de inverno

O Barcelona se prepara para investir no mercado de transferência em janeiro. O clube não conseguiu fazer contratações de peso na última janela, e pretendia compensar no inicio de 2021. Mas, as circunstâncias fora de campo podem comprometer esse planejamento. Após a renuncia de Josep-Maria Bartomeu do cargo de presidente da entidade, as movimentações dentro do time Blaugrana foram para preencher essa vaga.

A eleição para presidência do Barcelona ocorrerão em janeiro, durante a janela de transferência. E pode prejudicar na contratação de reforços. Pois, como aponta o Mundo Deportivo, o presidente eleito terá apenas uma semana para fechar negócios; renovações e vender jogadores. Portanto, Ronald Koeman deve selecionar quem deseja na sua equipe.

O técnico holandês já tem nomes na sua lista. A prioridade anterior era Memphis Depay, mas com a lesão de Piqué, Koeman sente a necessidade de contratar reforços defensivos, por isso elegeu Eric García como nova prioridade para contratação. Porém, o Manchester City não deseja facilitar essa negociação, e a eleição no período de mercado pode atrapalhar no fechamento desse negócio.

Foto de capa: Getty Images

Resta1