Umtiti pode rescindir com o Barcelona caso não atinja mínimo de partidas, entenda

Foto: Getty Images.

O zagueiro francês Umtiti está totalmente relegado no elenco culé, tanto que nem jogou ainda nesta temporada, mas como informa o portal Mundo Deportivo, ele pode se amparar no regulamento da FIFA para seguir um novo caminho:

“Um jogador profissional que participa em menos de 10% dos jogos oficiais disputados pelo seu clube no decurso de uma temporada pode rescindir prematuramente o seu contrato por motivo desportivo justificado. No exame destes casos, o do jogador as circunstâncias serão devidamente tidas em consideração”.

Atualmente, ele tem vínculo até metade de 2023, algo que pode deixar o jogador relaxado, mas não é o caso dele, pois o Barcelona quer diminuir a folha salarial de qualquer jeito, na sequência do artigo diz: “A existência de uma causa desportiva justificada será determinada individualmente. Nesse caso, não serão aplicadas sanções desportivas, embora possa ser necessária uma compensação. Um jogador profissional pode rescindir o seu contrato nesta base no 15 dias após o último jogo oficial da temporada com o clube em que está inscrito”.