Textor planeja adaptações provisórias no CT Lonier para o Botafogo

John Textor, dono do Botafogo, continua colocando as melhorias na estrutura do clube como uma das maiores, se não, a maior prioridade da diretoria nestes primeiros anos de SAF. Mesmo com uma grande melhora desde que assumiu o clube, ainda é bem abaixo dos demais clubes do futebol brasileiro e mundial.

Sendo assim, em live e entrevista concedida pelo canal FogãoNET, nesta terça-feira, o norte-americano comentou sobre as melhorias que estão previstas para o Centro de Treinamentos Lonier, onde a equipe principal do Botafogo vem mandando suas atividades diariamente. Mesmo com diversas melhorias do último ano para 2023, ainda não está nos moldes ideais em questões estruturais para ser usado para tal motivo. Os gramados são bastantes elogiados.

Fiquei muito surpreso positivamente em ver como o Luís Castro estava feliz em ver as melhores que fizemos no Lonier, principalmente no gramado. Eu fui no escritório dele, o ar-condicionado estava muito barulhento, talvez fosse o pior ar-condicionado que eu já vi. Os campos estão muito bons, mas a estrutura em si precisa ser totalmente reformada. Fizeram um bom trabalho para deixar o Lonier funcional, mas precisamos de uma profunda reestruturação – admitiu Textor.

O melhor que podemos agora é deixar o Lonier da melhor forma possível para os jogadores. Vamos continuar investindo em demolir algumas estruturas que não estão sendo utilizadas e trocá-las por estruturas de contêiner. Estrutura hoje não é mais um problema.“, terminou.

Os times do Brasil com mais títulos nacionais AINDA JOGAM? Veja experientes jogadores que ainda estão em atividade Mascotes dos clubes do Brasil com Inteligência Artificial Para onde vai Jude Bellingham?