Santi Mina é condenado a 4 anos de prisão por abuso sexual

O Celta de Vigo soltou uma nota nesta quarta-feira (4) em que abre processo disciplinar contra Santi Mina, o afastando provisoriamente dos treinos da equipe principal.

“Como resultado da decisão da Terceira Seção do Tribunal Provincial de Almería, emitida hoje, RC Celta decidiu abrir um processo disciplinar ao jogador Santiago Mina para elucidar suas responsabilidades de trabalho em vista desta resolução. Por este motivo e como medida cautelar, foi decidido o afastamento provisório do jogador dos treinos da equipa principal, sem prejuízo de continuar a exercer as atividades indicadas pelo clube para o efeito.

O RC Celta respeita o direito de defesa do jogador, mas é obrigado a tomar medidas contra os eventos que notoriamente abalam a imagem do clube e agridem diretamente os seus valores, mostrando mais uma vez o seu mais absoluto repúdio à infração definida na resolução judicial.”

O jogador foi condenado por 4 anos de prisão pelo tribunal de Almería por abuso sexual de uma mulher no dia 18 de julho de 2017, em Mojacar, apesar de ser condenado, Santi Mina foi absolvido do crime de agressão sexual. 

O tribunal presidido pela juíza Tarsila Martínez impôs uma ordem cujo o atleta não pode chegar a 500 metros próximo à vítima além de uma indenização de 50 mil euros, a defesa de Santi Mina confirmou que irá recorrer ao caso, enquanto o outro lado pedirá uma prisão provisória do atleta.

Os eventos ocorreram no verão de 2017 na cidade de Mojácar, em Almeria. Mina, que estava no Valencia na época , estava de férias com seu amigo e companheiro de equipe no Celta David Goldar, atualmente jogador do Ibiza. Durante o julgamento, médicos e psicólogos indicaram que a lesão “genital” apresentada pela vítima era “compatível e plausível” com uma agressão sexual.

FIFA 23: time inicial da Liga Italiana para o Ultimate Team FIFA 23: dica de time inicial com jogadores brasileiros LIBERTA? Veja as notas dos jogadores do Botafogo no confronto contra o Goiás, pelo Brasileirão Mais líder do que nunca! Veja as notas dos jogadores do Palmeiras contra o Atlético-MG