Cruzeiro é notificado a pagar mais duas dívidas na FIFA

O Cruzeiro informou, via nota, que recebeu mais duas ordens finais de pagamentos em ações que tramitam na comissão disciplinar da Federação Internacional de Futebol (FIFA). Os valores que superam os R$ 14 milhões são referentes à contratações de dois jogadores: Rafael Sóbis e Pedro Rocha. O primeiro a ser pago no próximo é o do atacante ex-Tigres que foi contratado em 2016. Em agosto, o clube tem que pagar a negociação de Rocha feita com o Spartak Moscou.

As punições caso o Cruzeiro não pague não envolvem a perda de pontos, o que aconteceu há um mês por uma dívida com o Al Wahda, dos Emirados Árabes Unidos, referente ao volante Denílson. Desta vez, as possíveis sanções são o impedimento de registro de jogadores junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) até que as pendencias sejam pagas.

A primeira ação a ser paga é a de Rafael Sóbis, contratado no ano de 2016, junto ao Tigres, do México. Segundo nota oficial do Cruzeiro, o Raposa possui três processos contra a equipe da América do Norte. Dois deles já tiveram a condenação final e a ordem de pagamento foi enviada. “A quantia é de USD 2,286,840 [cerca de R$ 11,8 milhões], oriunda do valor histórico da transação, mais juros e custos”, informou em nota.

 
Sóbis jogou três temporadas pelo Cruzeiro e conquistou três títulos (Foto: Cruzeiro EC).
 

Já a outra dívida a ser paga é sobre a negociação do atacante Pedro Rocha, que chegou à Raposa em 2019. O atacante de 25 anos conquistou o Campeonato Mineiro e estava no elenco cruzeirense que foi rebaixado em 2019. O prazo para pagamento é até o dia 6 de agosto deste ano e o valor é de EUR 395,619, cerca de R$ 2,3 milhões.

Assim, os valores estão na casa dos R$ 14 milhões. Lembrando que em nenhuma das ações, o clube corre risco de perda de pontos na Série B ou rebaixamento de divisão.

Foto de capa: Divulgação/Cruzeiro

Resta1

Gabriel Neri

Amante de uma boa retranca uruguaia enquanto escuto uma MPB tomando uma cerveja argentina. Torcedor do Cruzeiro. Hincha de Independiente.