Terceiro ‘não’: Umberto Louzer desiste de acerto com o Cruzeiro

O técnico Umberto Louzer voltou atrás após um princípio de acordo para assumir o comando técnico do Cruzeiro e optou por permanecer na Chapecoense. O treinador da equipe catarinense seguirá o que foi combinado com os jogadores – alguns também receberam propostas para deixar o clube e negaram – e ficará no cargo em busca do acesso para a Série A. A diretoria comunicou o elenco sobre a permanência do treinador na manhã desta quarta-feira, pouco antes do almoço.

Além do compromisso firmado com os jogadores por buscar o acesso, Louzer disse, em conversa com o elenco, que a felicidade na Chapecoense pesou em sua decisão. Vale pontuar, inclusive, que o comandante convenceu alguns atletas a seguirem no clube mesmo com propostas vantajosas para sair. O exemplo mais claro é o de Anselmo Ramon, que foi procurado por um clube da Série A.

Após a negativa do atual treinador da Chape, o Cruzeiro recebeu o seu terceiro “não” vindo de um treinador. O primeiro deles, Lisca optou por seguir seu trabalho no América. Além disso, Felipão, também procurado e que dava indícios de acerto, preferiu não assumir o clube. Agora, portanto, a diretoria celeste corre contra o tempo para achar o quarto técnico no ano e buscar o “milagre do acesso’ nesta temporada.

Foto de capa: Márcio Cunha / Chapecoense

Resta1