Após derrota, Turco Mohamed fala em erros ao longo da partida e classificação em primeiro no difícil grupo D

O Galo foi superado pelo Tolima por 2×1 nessa quarta-feira (25) no Mineirão e o treinador alvinegro falou sobre a classificação às oitavas

Na noite de ontem, quarta-feira (25), o Atlético Mineiro recebeu o Deportivo Tolima, da Colômbia, pela 6º e última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Garantido já nas oitavas e em primeiro lugar do grupo, o Galo acabou perdendo para os visitantes por 2×1.

O resultado não alterou a classificação do clube alvinegro no grupo, porém, acabou derrubando uma marca histórica do clube. Após o jogo, o treinador alvinegro falou sobre a derrota e o modelo de jogo na noite de ontem.

“A equipe está acostumada a jogar com extremos, que tem o um contra um, ou jogadores que têm mais mobilidade para chegar à área. Hoje não tivemos. Tentamos fazer de outra forma. Quando a equipe não ganha, é minha responsabilidade. Jogamos mal ofensivamente. Não tivemos claridade, mobilidade e profundidade. Temos que melhorar, porque sabemos que todos os times vão jogar com os blocos baixos contra a gente. Vamos trabalhar e aprender com essa derrota”, disse.

O treinador seguiu falando sobre os erros em campo do time alvinegro.

“Nós jogamos para ganhar. Às vezes se joga bem, às vezes se joga mal. Ofensivamente, jogamos mal. Depois, cometemos erros defensivos e perdemos a partida. Hoje faltou mobilidade, entender melhor o jogo na parte ofensiva. Por isso, tivemos a sensação de ter muita posse de bola desnecessária. É uma situação que temos que seguir trabalhando e melhorando”, completou.

Por fim, Turco falou sobre a classificação em um grupo difícil e aprendizado com a derrota.

“Era um grupo muito difícil. Nós tínhamos como objetivo terminar em primeiro lugar. E conseguimos, com a mesma pontuação do Tolima. Era um jogo que tínhamos que ganhar, mas perdemos. Mas foi melhor perder agora. Não perdemos o primeiro lugar. Tem que servir para aprender, porque se acontece no mata-mata, a gente ficaria fora e seria um grande fracasso”, concluiu.

Foto de Pedro Souza/Atlético

Os 10 melhores jogadores do Los Angeles Galaxy no FIFA 11 Os 10 melhores jogadores do Real Madrid no FIFA 11 sem CR7 Os 10 melhores jogadores do Sevilla no FIFA 11 Os 10 melhores jogadores do River Plate no FIFA 11