Consagrado ou aposta? Quem deve ser o novo treinador do Santos? Veja 6 opções livre no mercado

Com a demissão do técnico Fernando Diniz, a diretoria deve se movimentar nos próximos dias, par a anunciar o novo treinador do Santos. A derrota para o Cuiabá colocou ponto final na curta trajetória do técnico Fernando Diniz, que durou 27 jogos à frente do elenco santista, com 10 vitórias, 7 empates e 10 derrotas, além da eliminação da Copa Sul-Americana, e a necessidade de vencer para continuar na Copa do Brasil.

Para assumir o comando santista, alguns nomes que nunca treinaram o Santos e estão livres no mercado, com destaque para Guto Ferreira e Rogério Ceni, que poderia ser considerado como aposta, ainda que Rogério Ceni, seja o atual campeão brasileiro. Como consagrados, podemos citar Abel Braga e Fábio Carille. Veja os nomes que podem assumir o comando do Santos:

Demitido recentemente do Ceará, mesmo tendo feito um bom trabalho no clube do nordeste, Guto Ferreira surge como um dos favoritos a assumir o comando do Santos. (Foto: Divulgação / Ceará)
Com bons trabalhos no Fortaleza e Flamengo, o técnico Rogério Ceni é um dos cotados a assumir o Santos, e sua identificação com o São Paulo, rival paulista, não seria problema. Afirma-se que técnico aceitaria firmar contrato com o Santos, sem multa rescisória, como foi feito com Fernando Diniz. (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação)
Com trabalhos de destaque no Corinthians, onde conquistou um tricampeonato Paulista e um Campeonato Brasileiro, Fábio Carille se desligou do Al-Ittihad no final de agosto. O que pode ser um complicador, é o salário, que o pedido pode ser acima do que o Santos esteja disposto pagar. (Foto: Divulgação / Al Whaeda)
Após uma rápida passagem no Lugano da Suíça, o técnico Abel Braga, que já fez grandes trabalhos nos clubes brasileiros, mas no futebol paulista, treinou apenas a Ponte Preta. (Foto: Marcos Ribolli)
O técnico Roger Machado esteve no comando do Fluminense até o mês de julho, e é um dos novos treinadores, que são apontados como promissores, além de poder se encaixar dentro dda realidade financeira do Santos. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense / Divulgação)
O técnico Alberto Valentim saiu do Cuiabá na primeira rodada do Campeonato Brasileiro, por problemas extra-campo, mesmo fazendo um bom trabalho no time do centro-oeste, sendo campeão estadual invicto. (Foto: AssCom Dourado)