Diniz traz ‘velho conhecido’ para compor comissão técnica

Após a saída do auxiliar Márcio Araújo, por questões pessoais, o técnico Fernando Diniz foi ao ‘mercado’, para buscar um substituto, e trouxe outro velho conhecido. Trata-se de Yan Razera, que já trabalhou com o treinador em outras sete oportunidades.

Os dois, além de trabalhar em outras oportunidades fora dos gramados, também foram companheiros quando eram jogadores, em diferentes clubes, na década de 90, e nas seleções brasileira, nas categorias de base. “O Fernando me chamou e recebi essa oportunidade maravilhosa de integrar a comissão desse gigante, que é o Santos. Aceitei sem pensar duas vezes, pois como já falei, é um gigante do futebol e o prazer de estar aqui é enorme”.

Yan também lembrou dos tempos em que jogou com Fernando Diniz. “Eu e o Diniz jogamos juntos pela primeira vez, na seleção brasileira de novos, no início dos anos 90. Depois, atuamos juntos por três anos no Fluminense e também uma temporada no Flamengo. Ele é um grande profissional, tem mostrado seu trabalho aqui e eu espero ajudar.”

Yan Razera chega ao Santos, depois de sair da Chapecoense. O novo auxiliar do técnico Fernando Diniz também falou sobre suas experiências ao lado do treinador, fora dos gramados. “Encerrei minha carreira em 2009, e foi justamente o ano em que o Diniz começou como treinador no Votoraty, que foi meu último time como atleta. Acabei assumindo como auxiliar dele na época, então minha história se confunde um pouco com a dele. Depois daquilo, passamos por Paulista, Botafogo/SP, Atlético Sorocaba e Guaratinguetá, até chegar no Audax. E após o trabalho em Osasco, eu acabei seguindo um pouco o meu caminho, recomecei sendo treinador na base da Chapecoense e atualmente estava como auxiliar fixo do profissional deles. Muito feliz com a oportunidade e espero que o Santos consiga fazer uma grande temporada.”

Com a chegada de Yan Razera, a comissão técnica tem Fernando Diniz, Eduardo Zuma, Marcelo Fernandes e Serginho Chulapa, sendo os dois últimos, da Comissão Técnica permanente do Santos.

(Foto: Ivan Storti / Santos FC)