Dois dos cinco jogadores afastados do Bayern de Munique decidem tomar a vacina contra a Covid-19

Após serem afastados do elenco e terem seus salários suspensos e multas recebidas, Gnabry, Musiala e Kimmich decidem tomar a vacina

Nos últimos dias o Bayern de Munique virou palco de uma novela que trazia uma pauta importante para o cenário mundial atual. Cinco jogadores do elenco bávaro se recusavam a tomar a vacina contra a Covid-19.

Os jogadores eram Kimmich, Musiala, Cuisance, Choupo-Moting e Gnabry, que foram afastados do elenco principal, tiveram seus salários suspensos e receberam multas devido a má conduta. A decisão do clube foi apoiada por todos os outros companheiros de equipe.

A decisão não parecia fácil, tendo em vista que Kimmich e Gnabry são titulares no time bávaro, porém o clube não recuou em sua escolha. Inclusive, o atacante Serge Gnabry tem seu contrato em pauta no clube para uma renovação, mas devido a sua recusa em se vacinar, o cube paralisou a negociação.

Porém, nessa tarde (23), em meio ao jogo do clube alemão na UEFA Champions League, dois desses cinco atletas optaram por tomar a vacina e voltarem ao time.

De acordo com informações do jornal alemão “Bild”, Musiala e Gnabry acabaram de se vacinar na Alemanha, o que poderá reintegrar os jogadores ao elenco amanhã.

Kimmich está considerando tomar a vacina ainda no dia de hoje, porém sem informações a respeito.

Foto de Getty Images

Treinadores com mais vitórias por uma mesma seleção VEJA SUA CIDADE! Onde assistir Brasil x Suíça na sua cidade ZEBRAS, TÁ? Veja os resultados inesperados da Copa do Mundo até aqui: Quem substitui o Neymar? A provável escalação do Brasil contra Suíça