Rodrigo Caetano confirma multa a Eduardo Vargas por expulsão decisiva na Libertadores

O atacante chileno e camisa 10 alvinegro foi expulso no último lance do jogo e ficou de fora da disputa de pênaltis

Na noite de quarta (10), o Atlético Mineiro visitou o Palmeiras pela partida de volta da Copa Libertadores, válida pelas quartas de final, e acabou sendo eliminado na disputa de pênaltis para os donos da casa, que venceram por 6×5, após Rubens perder para o Galo.

Com isso, o clube mineiro volta para BH com mais uma eliminação precoce na temporada, dessa vez para o algoz da temporada passada, o Palmeiras de Abel Ferreira.

Diante disso, nessa sexta-feira (12), o diretor esportivo do Atlético Mineiro, Rodrigo Caetano falou sobre a expulsão de Eduardo Vargas nos minutos finais da partida, que acabou o tirando da disputa de pênaltis, e confirmou que o atletas foi multado.

“Importante responder que as atitudes e decisões são feitas de forma colegiada, junto do presidente e dos 4R’s. Eu e o Cuca falamos com o Vargas sobre o episódio. Ele se desculpou. Manifestou que estava de cabeça quente, sabe do prejuízo que causou. Nesses casos específicos, tem a punição, ela já ocorreu, foi aceita pelo atleta, e ela é uma punição administrativa.”

Foto: Pedro Souza / Atlético

Os lutadores com mais vitórias por decisão dentro do UFC Gabriel Jesus fala sobre Guardiola e se diz “mais solto” no Arsenal Os brasileiros com mais corridas disputadas na história da Fórmula 1 Desfalques, prováveis escalações, onde assistir e mais: Tudo sobre Vasco x Londrina pela Série B