Veja 7 jogadores que podem perder espaço no Santos, com a chegada dos reforços

O período de transferências que se encerrou no último dia 15, foi bastante intenso no Santos. Embora o Peixe tenha acertado apenas quatro contratações (Nathan, Luan, Yeferson Soteldo e Gabriel Carabajal), acabou vendo sair outros treze jogadores, seja por empréstimo (Jobson, William Maranhão, Gabriel Pirani, Lucas Lourenço, Anderson Ceará e Allanzinho), ou definitivo (Kaiky Fernandes, Robson Reis, Marcos Guilherme, Ricardo Goulart, Léo Baptistão, Emiliano Velázquez e Augusto Galván).

Com o elenco mais enxuto, as oportunidades podem ser mais acessíveis aos jogadores que permaneceram, mas com os reforços, posições carentes, foram preenchidas. Dos jogadores que permaneceram, veja os nomes que podem perder espaço, com o técnico Lisca, na continuidade do Brasileiro:

Jhojan Julio – Titular absoluto nos tempos de Fabián Bustos, o atacante que foi o ‘plano B’ nas contratações no início da temporada, acabou jogando fora da sua posição de origem, e não encantou, e com a saída do treinador argentino, o jogador perdeu espaço, e ainda não foi utilizado pelo técnico Lisca

Auro – Contratado para ser opção imediata na lateral direita, o lateral que veio do futebol canadense teve apenas atuações discretas, e com a chegada do Nathan, vê a concorrência na posição aumentar.

Carlos Sánchez – Mesmo retornando ao time titular nas últimas rodadas, a contusão no jogo contra o América/MG, que deve tirar de atividade o jogador nos próximos 20 dias, a chegada dos reforços Gabriel Carabajal e Luan, acirram a briga de posição no setor.

Vinícius Zanocelo – Mesmo sendo titular durante toda a temporada, a baixa de rendimento no atual momento e a chegada de reforços, podem fazer o jogador perder espaço e fique como opção no banco de reservas.

Lucas Braga – Outro que é titular desde o início do ano, além de ter atuado em várias posições, mas com a chegada do atacante Yeferson Soteldo, e a baixa no rendimento, pode perder a titularidade, ou brigaria com Lucas Barbosa, para atuar do lado direito, onde é sua posição de origem.

Tailson – O atacante de 23 anos, que treinou bom tempo em separado, quando o técnico Fabián Bustos, voltou a ter oportunidades com Marcelo Fernandes, mas ainda não foi utilizado pelo técnico Lisca, que vem optando em dar oportunidades à Lucas Barbosa no ataque.

Rwan Seco – O atacante que é tido como grande promessa no elenco santista, ainda não foi utilizado pelo técnico Lisca. O jogador está próximo de ampliar seu vínculo com o Santos

(Foto: Ivan Storti / Santos FC)

As lutadoras brasileiras com mais vitórias dentro do UFC Salah e Marquinhos são destaques na seleção da semana do FIFA 23 Neymar cada vez mais próximo de marca histórica pela Seleção Brasileira Os pilotos com mais vitórias pela Willians na história da Fórmula 1