FIFA dá passo importante para Copa do Mundo ser realizada a cada dois anos

Apesar de ainda não ser unanimidade, as discussões em torno da possibilidade da Copa do Mundo ser disputada a cada dois anos tem se intensificado. Entusiasta da ideia, a Fifa convidou treinadores de todas as 211 seleções masculinas filiadas para realizar uma reunião.

O objetivo é apresentar os seus planos e um novo cronograma de partidas internacionais. Pela pandemia, a reunião acontecerá por meio de videoconferências, que serão realizadas nesta semana. O principal condutor será o ex-técnico do Arsenal e agora chefe de Desenvolvimento Global do Futebol da Fifa, Arsène Wenger.

Apesar da intensa movimentação da Fifa, a entidade ainda tem opositores, como a própria Uefa. Segundo a Reuters, na última sexta-feira os organismos europeus mostram recusa a participar de qualquer novo torneio e calendário se os planos forem adiados em uma votação planejada em dezembro.

“A contribuição de um técnico de uma seleção masculina é essencial. As oportunidades de estarmos juntos são poucas e raras, mas devemos aproveitar essas ocasiões, pois esse diálogo nos ajuda a proteger o lugar único que o futebol tem no mundo e torná-lo verdadeiramente global”, disse Wenger.

Em sua justificativa para aprovar a disputa da Copa do Mundo, a Fifa diz que as chances de vários países participarem do principal evento do planeta serão maiores, e que um processo de qualificação simplificado, com menos paradas internacionais, diminuiria as viagens dos jogadores.

Por sua vez, a Uefa vê que a mudança de formato como diminuidor do prestígio da competição, e prejudicaria diretamente a realização de outros torneios importantes, pesando o cronograma.

Os 10 jogadores mais utilizados por Claudio Ranieri em sua carreira Números de David Terans entre os jogadores do Athletico-PR, pela Libertadores Os 10 jogadores mais utilizados por Dunga em suas duas passagens pela Seleção Números de Pezzolano pelo Cruzeiro