”Willian abriu mão de muito dinheiro para poder voltar”, diz presidente do Corinthians

Foto: Visionhaus

Willian é o mais novo reforço do Corinthians e um dos principais nomes anunciados nesta janela de transferências. Jogador de nível internacional, o meia-atacante é o maior reforço do clube, para o restante de temporada.

Revelado no ”terrão”, Willian volta ao seu clube formador após 14 anos, com a experiência de clubes como Chelsea e Arsenal, além de duas Copas do Mundo no currículo, pela Seleção Brasileira. Nesta terça-feira, o presidente do Timão, Duílio Monteiro Alves, abriu detalhes da negociação, em entrevista ao Seleção Sportv.

“Ele queria jogar no Corinthians, não vinha passando um bom momento no Arsenal, então a gente estava monitorando e chegou a possibilidade de ele sair, mas com um mercado na Europa ainda. Então a vontade do atleta pesou muito”, afirmou.

No que diz respeito à questão financeira do clube, o presidente afirmou que não há problemas. “Claro que houve um esforço do Corinthians com o espaço em folha, mas ele também é um jogador que permite a vinda de patrocinadores ao clube. Precisa ficar muito claro que o Willian abriu mão de muito dinheiro para poder voltar para casa e jogar pelo Corinthians”, revelou.

Duílio, ao comentar sobre a folha salarial, também destacou a organização do planejamento. “Com relação ao risco, eu não enxergo assim. A gente tem hoje, com a chegada do Willian, uma folha menor do que tínhamos no final do ano passado/início deste ano. Tiramos mais de 20 atletas e trouxemos quatro”

, concluiu.