Flamengo usa tempo como ‘aliado’ em negociações por Thiago Mendes e Kenedy; entenda

Recuperando a boa forma desde a chegada de Renato Gaúcho, o Flamengo vive dias de alto astral. No entanto, a cúpula de futebol não relaxou na busca por reforços. Os dois principais alvos já foram definidos: Kenedy e Thiago Mendes. Mas as negociações são consideradas complexas.

Nesse sentido, o Rubro-Negro adotou a cautela como lema para conseguir contratar a dupla sem sacrificar as finanças. As negociações com o volante do Lyon e com o atacante do Chelsea têm um ponto em comum: os europeus querem lucrar com vendas. Contudo, o Flamengo não vai abrir mão da estratégia de tentar os empréstimos sem custos.

Além disso, o que torna as conversas demoradas são os preços a serem fixados caso o clube queira realizar uma compra futura. As negociações seguem e o Flamengo tenta chegar aos patamares mais aproximados a realidade do futebol brasileiro. Por outro lado, franceses e ingleses esticam a corda e querem faturar alto com as vendas.

Por sua vez, o Flamengo usa o tempo para enrolar as conversas e ganhar um poder maior de barganha nas negociações. Então, à medida que o relógio corre, a janela de transferências se aproxima do seu fim e diminui a possibilidades. O período para essas transferências para o Brasil vai até 31 de agosto.

No meio disso tudo, o Fla conseguiu a vaga nas quartas de final da Libertadores, e agora volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No domingo (25), a equipe recebe a visita do São Paulo, 16h, no Maracanã. Com isso, Renato Gaúcho tenta quebrar um tabu, já que o Rubro-Negro não vence o Tricolor desde 2017.