Landim diz que título da Libertadores não garante permanência de Renato Gaúcho

Após um trabalho com altos e baixos, Renato Gaúcho chegará ao ápice de seu momento como treinador do Flamengo na final da Libertadores. Ainda assim, a conquista do torneio não será determinante para garantir sua permanência. A declaração foi dada pelo presidente do Rubro-Negro, Rodolfo Landim, em entrevista ao Sportscenter, da ESPN Brasil.

“É um trabalho avaliado no seu todo, não simplesmente em um único jogo. Claro que o resultado é sempre importante, a gente busca sempre os títulos. Mas a avaliação é sempre feita em cima de um todo. E é em cima disso que nós vamos fazer nossa primeira reunião logo após o término do Campeonato Brasileiro”, afirmou Rodolfo Landim.

Atualmente, o vínculo de Renato Gaúcho se encerra em dezembro. Inclusive, em Montevidéu, no Uruguai, alguns treinadores chegaram a pedir a saída do técnico. Por sua vez, Landim disse ter ficado chateado, assim como os torcedores, pelo empate contra o Grêmio, no Brasileirão.

“A torcida de um clube é muito apaixonada e muito influenciada, às vezes, por resultados que ocorrem. A gente viu a torcida muito feliz com alguns resultados do Flamengo. Aí, nós vimos um jogo em que o estávamos na frente contra o Grêmio, que por acaso foi o clube que o Renato fez a maior parte da sua carreira, como treinador e jogador, e acabamos perdendo a oportunidade de fazer três pontos. O torcedor é apaixonado, quer ganhar todo jogo, todos ficamos chateados, eu inclusive, como torcedor”, completou.

Paulo Sousa promete quebrar o silêncio e falar sobre período no Flamengo FIFA 23: saiba tudo sobre o novo sistema de aceleração do game CRAQUES! Relembre os maiores artilheiros do Flamengo no século 21 COM MUDANÇAS! A provável escalação do Fluminense diante do Atlético-GO