Prefeitura do Rio de Janeiro libera 50% de público nos estádios

Foto: Sergio Moraes-Pool/Getty Images

Nesta sexta-feira (17) a Prefeitura do rio de Janeiro publicou no Diário Oficial um decreto que autoriza a presença de torcedores nos estádios na cidade a partir da próxima terça-feira (21). A capacidade permitida será de 50% da capacidade dos estádios que receberem os eventos. Nesse sentido, Botafogo, Vasco, Fluminense e Flamengo poderão levar os torcedores aos estádios em suas partidas.

“Fica autorizada a realização de competições esportivas com a presença de público em estádios e ginásios, com esquema vacinal completo de todos os presentes, respeitada a lotação de 50% da capacidade do ambiente”, revela um trecho da publicação.

Compreende-se por “esquema vacinal completo”, assim como afirma o decreto, idosos acima de 60 anos que já tenham tomado a dose de reforço da vacina contra a Covid-19, depois de 14 dias da aplic ação. Também pessoas entre 15 e 59 anos, segundo o calendário de vacinação (seja primeira dose, segunda dose ou dose única), e após dias semanas desde que esteja vacinado.

“Eu tive garantias pessoais do presidente Landim (presidente do Flamengo) de que isso seria tratado como prioridade máxima e com muita organização pelo Clube de Regatas do Flamengo, foi isso que a gente viu. Total respeito e diálogo com a Secretaria de Saúde, a busca permanente de atender todas as exigências, que não são simples”, disse o prefeito Eduardo Paes.

“Que tornam para o clube realizar o jogo bem mais caro, na hora que exige teste, tem que botar mais gente, todas as determinações da Secretaria de Saúde encarecem o evento e não tivemos do Flamengo nenhum gesto para tentar burlar uma regra para tentar economizar, pelo contrário. Isso mostra que a gente pode ir avançando nisso, realizar outros jogos”, acrescentou.

Em seguida, Eduardo Paes, vascaíno declarado, brincou sobre a vontade do Vasco em ter público em São Januário no próximo domingo na partida diante do Cruzeiro, pela 25ª rodada da Série B. Conforme o secretário de Saúde, Daniel Soranz, o jogo está autorizado para ocorrer com torcedores.

“O mais importante deve acontecer no domingo, se Deus quiser, a Secretaria de Saúde vai liberar o jogo do mais importante de todos, Vascão. Estou fazendo meu lobby público”, disse Eduardo.