Fernando Diniz elogia Ganso e afirma: “É um gênio”

Fernando Diniz em sua apresentação nesta segunda-feira. (Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense FC.)

Apresentado oficialmente nesta segunda (2) como novo técnico do Fluminense, Fernando Diniz rasgou elogios ao meia Paulo Henrique Ganso, que está reencontrando o seu bom futebol.

Os dois trabalharam juntos em 2019 na primeira passagem de Diniz pelo Tricolor. Além disso, o treinador admitiu ter tentado levar Ganso para o Santos no ano passado.

“Eu tenho uma relação muito próxima com o Ganso. Eu tentei levar ele para o Santos, mas ainda bem que não deu certo. Quando eu falo do Ganso e não está vivendo um bom momento, não está jogando, soa estranho para quem está ouvindo”, afirmou Diniz.

“A minha opinião sobre ele nunca oscilou, e o Ganso para mim é um gênio. É um cara que faz coisas, e eu joguei e treinei muita gente talentosa. Ele faz coisas que ninguém faz. É um gênio criativo que, por alguns motivos, não conseguiu ter a carreira que o talento dele merecia”, completou o técnico.

Fernando Diniz também confessou ter ficado feliz por Abel Braga, ex-treinador da equipe, ter colocado o camisa 10 para jogar antes da sua chegada: “Acredito nele como jogador, como pessoa, e fico feliz que o Abel tenha conseguido junto da equipe ter colocado o Ganso para jogar antes de eu chegar. Ele é genial mesmo e eu fico muito feliz pelo momento que ele está vivendo”.

A reestreia de Diniz como treinador do Fluminense acontece nesta quarta-feira (4) na partida contra o Junior Barranquilla pela Copa Sul-Americana. A bola rola às 21h30 no Maracanã.

Salah e Marquinhos são destaques na seleção da semana do FIFA 23 Neymar cada vez mais próximo de marca histórica pela Seleção Brasileira Os pilotos com mais vitórias pela Willians na história da Fórmula 1 Verstappen pode conquistar o bicampeonato mundial de F1 em Cingapura; entenda