Ganso rasga elogios a Diniz e afirma: “Carreira de Seleção”

Foto: Mailson Santana/Fluminense FC.

Em entrevista ao GE, o meia Paulo Henrique Ganso, um dos principais destaques do Fluminense na temporada, comentou sobre seu momento pessoal, seu futuro e outros temas.

Como de costume, Ganso rasgou elogios ao técnico Fernando Diniz, afirmando que deseja a sua permanência por muito tempo no Tricolor e que depois ele deve pensar na seleção brasileira.

“Eu sou suspeito para falar do Fernando. Ele daria certo em qualquer clube, ou qualquer seleção. Óbvio que na Seleção teria que treinar mais… ou menos, né? Depende. Se os jogadores conseguirem pegar rápido a forma de jogar dele, de repente, mesmo treinando pouco, melhora muito. Mas, por mim, ele tem que ficar aqui no Fluminense”, declarou o camisa 10.

“Se eu sou o presidente, se sou o Mário (Bittencourt), assino um contrato de cinco, dez anos: “Você vai ficar aqui, vai ganhar títulos aqui com a gente, e depois você vai pensar em Seleção”. Mas isso é o que eu desejo, até porque eu estou aqui e não quero que ele saia. Quero que ele seja muito feliz aqui no clube, sendo campeão. Depois, ter uma carreira de seleção”, completou.

Vindo de vitória no clássico Fla-Flu por 2 a 1, o próximo desafio do Fluminense no Brasileirão é nesta quarta-feira (28) diante do Juventude às 19h no Maracanã. Em caso de vitória, a equipe comandada por Fernando Diniz pode chegar à vice-liderança, mas tem que torcer para um tropeço do Internacional, que enfrenta o Bragantino no mesmo dia, às 21h45.

Ney, Ganso e cia! Os jogadores em atividade com mais gols pelo Santos Lampions! A provável escalação do Bahia para enfrentar o Ferroviário-CE pela Copa do Nordeste Alguém vai bater? Os principais recordes do Brasileirão Pré-Libertadores: chaveamento, datas, onde assistir e mais