Veja destaques da Copinha que podem ganhar espaço no profissional do Fluminense

O caso mais emblemático é o do atacante John Kennedy, de 20 anos, que encerrou a competição com cinco gols marcados e comprovou o status de estrela do time sub-20. Já tendo passagem pelo profissional, a tendência é que ele se firme na categoria e receba oportunidades durante o Campeonato Carioca.

Dificilmente também não estará inscrito para a Copa Libertadores. A personalidade do atleta durante a Copinha e o fato de atuar como centroavante e ponta agradam à comissão técnica.

Outro que chamou bastante atenção foi Luan Brito, de 19 anos, autor de três gols na competição. Recentemente, o atacante foi procurado pelo Dínamo de Kiev, da Ucrânia, que teve recusada uma proposta de R$ 10 milhões. O atleta será promovido ao elenco sub-23 e ficará treinando no CT Carlos José Castilho, mais perto dos profissionais.

Antes desconhecido, o lateral-direito Jhonny ganhou muitos pontos pelas suas atuações na Copa São Paulo. Aos 19 anos, ele encerrou o torneio com um gol e três assistências, fato que chamou atenção internamente no Fluminense. Ainda não está batido o martelo sobre como será a sua utilização, mas há chance de que ele possa compor o elenco profissional.

Já o zagueiro Davi, de 19 anos, pode ganhar espaço após uma notícia ruim: o zagueiro Luan Freitas sofreu uma grave lesão no joelho esquerdo e terá que passar por cirurgia. Ele estava incorporado ao elenco profissional e este espaço deve ser preenchido pelo destaque da Copinha.

Outros que também agradaram pelas suas atenções, mas ainda não têm futuro definido, são o goleiro Thiago Gonçalves e o meio-campista Wallace. Ambos estouraram a idade e não poderão permanecer na categoria sub-20. Caso não vão para o profissional de forma direta, serão utilizados no sub-23.

Os 10 melhores jogadores do Atlético Mineiro no FIFA 08 Os números de Jô nas últimas 10 temporadas HISTÓRICO! Os números do Fortaleza na fase de grupos da Libertadores APROVADO? Os números de Pablo em seu início pelo Flamengo