Grêmio tem bom retrospecto jogando no Equador

O Grêmio não vive uma boa fase, já há um mês sem vitórias e na lanterna do Brasileirão. O técnico Felipão estreou no comando da equipe no último sábado com um empate contra o Internacional, e agora terá a LDU pela frente, em jogo válido pelas oitavas de final da Sul-Americana, às 19h15.

Apesar da dificuldade já conhecida, os torcedores podem tentar se animar com o bom retrospecto da equipe jogando no Equador: venceu nove dos 13 jogos disputados no país. A partida de hoje será no estádio Casa Blanca, que fica a 2.734 metros acima do mar.

No palco de hoje, o tricolor gaúcho disputará sua terceira partida contra a LDU. Na primeira, em 2013, perdeu por 1×0 e reverteu o placar em casa, enquanto na segunda, em 2016, saiu vitorioso por 3×2.

Apesar do bom retrospecto, os gremistas não têm uma boa lembrança do último confronto contra equat orianos, já que o Independiente Del Valle eliminou a equipe da Pré-Libertadores deste ano, o que resultou na queda de Renato Portaluppi. O jogo, entretanto, não foi no Equador, já que o governo local impediu a realização da partida, que acabou sendo disputada no Paraguai.

Confira o retrospecto do Grêmio jogando no Equador

  • 13 jogos;
  • 9 vitórias;
  • 19 gols marcados;
  • 12 gols sofridos;
  • Melhor resultado: 3×0 contra o Barcelona de Guayaquil pela semifinal da Libertadores de 2017;
  • Pior resultado: 4×0 contra o El Nacional pelas quartas de final da Libertadores de 1992.

Foto: Getty Images