Maicon lamenta a forma como deixou o Grêmio: “Me jogaram no lixo”

Photo by Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images

Ídolo e multicampeão pelo Grêmio, o volante Maicon deixou o clube em 2021, ainda antes do fim do Campeonato Brasileiro. Ele estava no clube desde 2005.

Em entrevista para a Rádio Gre-Nal, Maicon lamentou a forma como saiu do Grêmio: “Uma história tão bonita terminou de uma maneira tão feia. Vi a despedida do Fred pelo Fluminense, uma despedida tão bonita. Eu sempre dei meu melhor, mas não terminou como eu queria.”, disse ele.

O volante também destacou os esforços que fazia para ajudar o Tricolor: “Eu treinava e jogava com dor. Me esforçava muito pra estar em campo. Mas eu fui visto como laranja podre. Quando não deu mais suco, me jogaram no lixo. Quando eu mais precisei, me deram uma facada nas costas. Eu não queria que fosse assim.”, revelou Maicon.

Apesar da mágoa pelo tratamento na sua saída, Maicon tem o desejo de retornar ao Grêmio futuramente: “A maneira como eu saí foi muito chata e triste. Mas vou seguir a vida. Quem sabe eu possa voltar um dia, com outras pessoas lá, em outra função pois jogar não dá mais.”, completou.

Gabriel Jesus fala sobre Guardiola e se diz “mais solto” no Arsenal Os brasileiros com mais corridas disputadas na história da Fórmula 1 Desfalques, prováveis escalações, onde assistir e mais: Tudo sobre Vasco x Londrina pela Série B Veja o time dos candidatos e atuais presidentes de alguns países pelo mundo