FÁBIO ANDRÉ KOFF: um ídolo imortal

Nesta quinta-feira (10), houve o falecimento de Fábio Koff, aos 86 anos.

Muito mais que apenas um simples presidente, Koff foi responsável pela maior glória já conquistada pelo clube.

Gremista desde cedo, quando pequeno recebeu sua primeira camiseta do tricolor, acompanhava o time pela rádio, como ele mesmo dizia, veio da arquibancada.

No final de 1981, Fábio Koff se tornou Presidente do Grêmio, pela primeira vez.

Na sua passagem, conquistou a primeira Copa Libertadores e Mundial.

Em outra passagem, conquistou a Copa do Brasil em 1994, a segunda Copa Libertadores em 1995, Recopa em 1996 e também o brasileiro, além de títulos no estadual.

Teve a quarta e última passagem pelo time do coração, após a inauguração da Arena.

O ex-presidente sempre será lembrado pelos gremistas e estará no coração de todos nós, até mesmo pelos rivais, por conta da grande consideração que tinham por ele.

Obrigado por tudo, querido ex-presidente.

Ele fez do Grêmio um clube gigante, e sempre será com honra e com muita alegria que lembraremos dele.

Koff sempre será o verdadeiro Rei de Copas.

“Nem a morte nos separará, porque o céu também é azul.”

FÁBIO ANDRÉ KOFF, O ETERNO IMORTAL!

Na foto: o ex-presidente e o atual.