Ex-Bayern, Boateng será sentenciado e pode pegar cinco anos de prisão

MUNICH, GERMANY - MAY 22: Jerome Boateng of Bayern Muenchen reacts during the Bundesliga match between FC Bayern Muenchen and FC Augsburg at Allianz Arena on May 22, 2021 in Munich, Germany. After the Bavarian cabinet decided on first relaxations for outdoor events, the current Corona situation allows FC Bayern to have its last match of the season in front of 250 spectators in the Allianz Arena. Of these, 100 tickets are given to people from the health sector selected by the Ministry of Health. (Photo by Stefan Matzke - sampics/Corbis via Getty Images)

Atual zagueiro do Lyon, Jérôme Boateng vai comparecer no tribunal de Munique nesta quinta-feira (09) por violência doméstica contra a mãe de seus dois filhos. A denúncia ocorreu em 2018, e junto ao seu advogado, deve estar presente na audiência. Sua ex-parceira o acusa de machucá-la durante uma forte discussão há três anos durante as férias.

A pena máxima para atos de violência doméstica na Alemanha é de cinco anos de prisão e tudo indica que a sentença será emitida amanhã. Outro problema a parte do julgamento é a custódia dos dois gêmeos, que trata-se de um procedimento separado. A audiência da quinta-feira foi marcada pela primeira vez em dezembro do ano passado e tinha sido adiada devido a ausência de uma testemunha por ter contraído a Covid-19.

Campeão da Copa do Mundo d e 2014 pela Alemanha e um dos pilares do Bayern de Munique por 10 anos, Boateng possui milhões de seguidores em suas redes sociais e também atua forte na publicidade, com a seu nome promove suas próprias linhas de roupas. O zagueiro de 33 anos, novo reforço do Lyon por duas temporadas, e por conta do julgamento já nesta quinta, seu nome tem sido assunto na imprensa alemã