Após virada sofrida para o Vasco, técnico do Operário chama o time de “frouxo”

Nesta terça-feira, o Operário recebeu o Vasco, pela 33° rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Porém, não foi da forma que estava se encaminhando para ser até os 89 minutos da partida.

O Fantasma vencia o duelo por 2×1 até o último minuto antes dos acréscimos. Porém, a defesa se embolou e Alex Teixeira, da equipe carioca, empata a partida, jogando um balde água fria na torcida. Entretanto, não parou por aí. No minuto 95, um antes do apito final, outra vez, o camisa 7 do Gigante da Colina vira o duelo e marca seu segundo gol na partida.

Porém, não foi apenas isso que chamou a atenção neste confronto. Após a partida, Matheus Costa, treinador do Operário, parecia bastante nervoso e disparou contra sua própria equipe. Segundo o mesmo, já não aguenta mais levar gols em momentos cruciais dos jogos. O clube de Ponta Grossa ocupa a 18° colocação, com 32 pontos.

“Nós somos um time frouxo. Estou cansado de chegar aos 44 minutos e não sustentar o resultado. Não temos personalidade para vestir a camisa do Operário“, disparou o comandante do clube após o apito final, em entrevista coletiva.

Os jogadores com mais finalizações na fase de grupos da Copa do Mundo 2022 15 jogadores que podem chegar ao Vasco após parceria com empresário Dani recordista! Os jogadores mais velhos a atuarem pela Seleção Brasileira em Copas do Mundo Os 10 pilotos brasileiros com mais abandonos na história da Fórmula 1