Cerro Porteño repudia ato racista e promete identificar responsável

O racismo voltou a aparecer no jogo entre Palmeiras e Cerro Porteño desta quarta-feira, 29 de junho, em Assunção, no Paraguai. Um torcedor do Cerro Porteño imitou um macaco em direção à torcida do Palmeiras. 

O clube paraguaio emitiu uma nota de repúdio ao ato racista e prometeu identificar o torcedor que cometeu o crime. O vídeo gravado por alguns torcedores do Palmeiras que estavam no estádio e foram alvos da discriminação não mostra com nitidez o rosto do torcedor. Mas viralizou nas redes sociais após ser divulgado. 

“O Club Cerro Porteño manifesta seu absoluto repúdio diante dos gestos racistas de um indivíduo em público, essas atitudes não condizem com os valores e princípios de nossa instituição. Serão tomadas as medidas correspondentes para identificar o responsável e aplicar sanções exemplares”, escreveu o clube paraguaio. 

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Armação! Os meias ofensivos mais valiosos da Copa do Mundial de 2022 SPEEDY MENDOZA NO SANTOS! Veja os números do atacante com o Ceará no Brasileirão 2022 FIFA 23: Os melhores jogadores da Premier League sem o Big Six Real Madrid tem interesse em craque argentino