Dudu planeja retornar ao Palmeiras no futuro

DOHA, QATAR - FEBRUARY 07: Dudu of Al Duhail SC looks on during the FIFA Club World Cup Qatar 2020 5th Place match between Ulsan Hyundai FC and Al Duhail SC at the Ahmad Bin Ali Stadium on February 07, 2021 in Doha, Qatar. (Photo by Fadi El Assaad - FIFA/FIFA via Getty Images)

O vínculo de empréstimo do atacante Dudu com o Al Duhail, do Catar, se encerra no meio do ano. No momento, seu objetivo é permanecer por lá.

Um dos principais destaques do Palmeiras na última década, o atacante Dudu, emprestado ao Al Duhail, do Catar, ainda tem vínculo com o clube paulista, mas deverá ser encerrado em breve. Assim, o empréstimo dele se encerra no meio do ano. Sendo assim, seria uma oportunidade dele retornar ao Allianz Parque, mas o assunto será definido nos próximos meses.

Nesse sentido, se permanecer no Catar, Dudu irá render seis milhões de euros para o Verdão. Lembrando que o Al Duhail já pagou sete milhões de euros na primeira transferência, por empréstimo. No entanto, se depender do atacante, seu destino será longe do Brasil e junto ao clube do Catar: “Não posso esconder a minha vontade de continuar aqui. Se o clube me comprar, eu vou, automaticamente, ficar mais dois anos. Eu quero ficar aqui, ter esse tempo meu aqui no Catar” – afirmou ele, ao Esporte Espetacular.

Além disso, lembrou que assiste seus momentos no Alviverde para relembrar o tempo que passou por lá. Todavia, não está nos seus planos uma volta ao Palmeiras, no momento: “Fico vendo vídeos dos meus gols (pelo Palmeiras) para relembrar. Mas se voltar agora, foi porque eu não fiz um bom trabalho aqui. E eu não quero sair daqui desse jeito. Quero sair daqui como foi no Palmeiras, pela porta da frente, com as pessoas querendo que eu não tivesse vindo pra cá. Naquele momento, aconteceram algumas coisas que o melhor era ter vindo para cá, e eu vim.”

Dudu e Palmeiras: um casamento que não terá fim

Foto: Divulgação/Palmeiras

Em suma, Dudu revelou que mantém contato frequente com os ex-colegas, funcionários do clube paulista e com o presidente Maurício Galiotte: “Ele (Galiotte) sempre me pergunta se eu estou bem, se estão me tratando bem aqui, se meus filhos estão precisando de alguma coisa aí (em São Paulo). Meus filhos moram em frente ao CT e fazem escolinha de futebol no Palmeiras. Então ele sempre me liga, me pergunta se está tudo bem.

Nesse sentido, o atacante não esconde o carinho pelo Palmeiras e fica claro que o laço entre eles não foi rompido, e nem será, mesmo que ele seja comprado em definitivo pelo Al-Duhail: “Todo mundo sabe o respeito, carinho e amor que eu tenho pelo Palmeiras. Não tenho dúvidas de que, se eu ficar os três anos aqui, quando eu voltar para o Brasil, o primeiro clube que eu vou pensar é o Palmeiras.”

Paulo Sousa promete quebrar o silêncio e falar sobre período no Flamengo FIFA 23: saiba tudo sobre o novo sistema de aceleração do game CRAQUES! Relembre os maiores artilheiros do Flamengo no século 21 COM MUDANÇAS! A provável escalação do Fluminense diante do Atlético-GO