Palmeiras tem cinco novos casos e chega a 19 atletas infectados pelo novo coronavírus

Na manhã desta sexta-feira (20) mais cinco atletas do Palmeiras foram diagnosticados com a COVID-19, são eles: os meio-campistas Raphael Veiga e Alan e os atacantes Willian, Breno Lopes e Aníbal. Os jogadores foram prontamente isolados do grupo e estão sob acompanhamento da equipe médica do clube.

Com os novos casos, o elenco palmeirense chega a incríveis 19 atletas infectados pelo vírus, entre jogadores profissionais e do sub-20. Além destes e daqueles que estão lesionados no departamento médico, o técnico Abel Ferreira também não conta com Zé Rafael, suspenso, para a partida deste sábado (21) contra o Goiás pelo Campeonato Brasileiro. Assim como o recém-diagnosticado com a COVID-19, Raphael Veiga, Zé Rafael vinha sendo um dos destaques do Palmeiras na boa sequência de nove partidas invictas da equipe. Apesar das muitas baixas, o Verdão não cogita pedir adiamento de partidas e pretende cumprir o calendário estabelecido.

Com todos esses desfalques, o time paulista tem apenas 12 atletas profissionais disponíveis para a partida do final de semana, são eles: Weverton, Marcos Rocha, Mayke, Luan, Gustavo Gómez, Emerson Santos, Renan, Lucas Esteves, Patrick de Paula, Ramires, Lucas Lima e Luiz Adriano. Se por um lado o setor defensivo – maior problema nas últimas rodadas – agora está bem servido, hoje o que mais preocupa a comissão técnica é o ataque, que certamente terá de ser reforçado por jovens recém-promovidos da base, uma vez que Luiz Adriano é o único atacante profissional apto a entrar em campo.

Palmeiras e Goiás se enfrentam neste sábado (21), às 21h (de Brasília) no Estádio Hailé Pinheiro, em Goiânia.

Foto de capa: Andre Penner/Getty Images

Resta1