STJD absolve Abel Ferreira, seu auxiliar técnico e Patrik de Paula por expulsão no jogo contra o Atlético-MG

Abel Ferreira se livrou de mais uma condenação do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Além dele, a 3ª Comissão Disciplina do órgão também absolveu o auxiliar técnico João Martins e o volante Patrick de Paula, nesta quarta-feira, 15 de setembro. 

Eles foram julgados pela expulsão no jogo contra o Atlético-MG, no dia 14 de agosto, pela 16ª rodada do Brasileirão. Patrick de Paula e João Martins foram inocentados por unanimidade de votos. Enquanto Abel Ferreira teve a denúncia retira da pela Procuradoria. Portanto, a conclusão do julgamento foi de que eles não infringiram o artigo 258, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, conforme os acusaram. 

O trecho fala em “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva” com punição entre uma a seis partidas. O motivo da confusão foi a expulsão de Patrick de Paula, no jogo contra o Atlético-MG. Abel Ferreira, por sua vez, não gostou da decisão do árbitro Bruno Arleu de Araújo e reclamou. Arleu então expulsou o português e minutos depois tomou a mesma atitude contra o auxiliar técnico João Martins pelo mesmo motivo. 

(Foto: Getty Images)