Veja 5 centroavantes que poderiam reforçar o Palmeiras “de graça”, em 2022

(Foto: Valerio Pennicino | Getty Images)

Hoje, Verdão conta apenas com Luiz Adriano e Deyverson, que não vivem boa fase. Veja possíveis reforços “sem custos” para próxima temporada.

A movimentação do Palmeiras nessa última janela de transferência foi bem tímida. O Verdão oficializou a venda do lateral esquerdo, Matías Viña, para a Roma (ITA) e trouxe dois atletas para substituí-lo, Jorge, ex Monaco (FRA), e Joaquín Piquerez, ex Peñarol (URU).

Muitas eram as especulações sobre possíveis nomes para reforçar o ataque palmeirense, entretanto, a diretoria entende que o elenco já é forte com as peças atuais e que os retornos de Dudu, do futebol do Catar, e Deyverson, do futebol espanhol, ambos com empréstimos finalizados, melhoraram ainda mais as opções para Abel Ferreira.

Fato é que a torcida entende que o Palmeiras precisa de um novo centroavante, mais decisivo e com faro de gol. Hoje, na função, o Verdão conta com Luiz Adriano, apenas 3 gols em 24 partidas em 2021, Deyverson, 2 gols em 18 jogos, e Willian, improvisado em algumas oportunidades na função, com 10 gols em 31 jogos na temporada.

Antes dos retornos de Dudu e Deyverson, o técnico Abel Ferreira chegou a pedir publicamente por reforços na posição, mas não foi atendido. O Palmeiras chegou a abrir negociações por Borré, na época atacante do River Plate, e Taty Castellanos, do New York City FC (MLS), ambos pedidos pelo treinador do Palmeiras, mas os valores assustaram e as negociações não avançaram.

Dessa forma, o Mercado do Futebol levantou alguns nomes que poderiam reforçar o Palmeiras na próxima temporada sem a necessidade de um investimento tão alto, já que esses atletas estão sem clube ou terão seus contratos finalizados ao final da atual temporada.

Germán Cano (Vasco)

(Foto: Divulgação | Rafael Ribeiro)

Apesar de não viver um bom momento na equipe Cruz Maltina, o atacante é o artilheiro do time nos últimos anos e tem sido a principal referência do elenco. O argentino tem contrato com o Vasco até o final de 2021 e já pode assinar um pré contrato com qualquer clube.

Diego Souza (Grêmio)

(Foto: Lucas Uebel | Grêmio)

Maior artilheiro do Brasil em 2020, Diego Souza já teve boa passagem pelo Verdão em 2008 e 2009. Pelo Grêmio, o jogador acumula boas atuações como centroavante, mas viu seu desempenho cair em 2021, assim como todo o elenco gremista. O jogador de 36 anos tem contrato até o fim dessa temporada e ainda tem situação indefinida no clube.

Gilberto (Bahia)

(Foto: Felipe Oliveira | EC Bahia)

O atacante de 32 anos foi destaque e artilheiro do Bahia nas últimas três temporadas. Há 4 anos no clube, o jogador acumula recordes e é a referência técnica do elenco. Com contrato até o final de 2021, Gilberto já poderia assinar com qualquer outro clube.

Ytalo (Red Bull Bragantino)

(Foto: Ari Ferreira | Red Bull Bragantino)

Autor de um Hat-Trick contra o Palmeiras recentemente, Ytalo tem sido o centroavante do Massa Bruta nas últimas temporadas e se destacado por sua movimentação e leitura de jogo. Com passagens por São Paulo e Athletico-PR, o atacante de 33 anos também possui contrato até o fim dessa temporada e já poderia assinar com outro clube.

Sebastian Giovinco (Sem Clube)

(Foto: Valerio Pennicino | Getty Images)

O atacante italiano de 34 anos, com passagens por Juventus, Empoli, Parma, Toronto FC (MLS), Al Hilal (Arábia Saudita) e Seleção Italiana, atualmente está sem clube. Apesar da baixa estatura, o jogador é notabilizado pela técnica e velocidade, além de uma boa média de gols na carreira. O jogador teve seu contrato finalizado em agosto/21, o que facilitaria uma negociação, já que as tratativas seriam feitas diretamente com o atleta, sem a necessidade de pagar a nenhum clube.