Real Madrid volta a tropeçar e se complica na UEFA Champions League

O clube merengue entrou em campo contra o Clube Brugge da Bélgica, tentando apagar a má impressão deixada na primeira rodada contra o PSG. Mesmo a equipe tendo uma boa sequência no campeonato espanhol (líder invicto da LaLiga), a missão era transferir a boa fase para a competição continental. Na escalação poucas surpresas, apenas Lucas Vázquez na vaga de Gareth Bale, que foi poupado. E Nacho na lateral esquerda, já que Marcelo voltava de lesão.

Primeiro tempo:

O Real Madrid tomou conta, pelo menos da posse de bola. Como mandante era obrigação do time tentar criar o máximo de chances possíveis. 63% do primeiro tempo a bola ficou com o clube merengue, 12 finalizações (duas em gol, 6 para fora e 4 bloqueadas) e 8 escanteios. O Club Brugge por outro lado, teve 37% de posse de bola, 3 finalizações (todas elas em gol) e nenhum escanteio. A proposta dos visitantes de sair no contra ataque estava clara. Resultado do primeiro tempo 2-0 para o Club Brugge.

Segundo tempo:

Com a desvantagem, o Real Madrid tinha que partir pra cima. No intervalo Marcelo entrou na vaga de Nacho, e Areola no lugar de Courtois (problemas estomacais). O Madrid empurrou os jogadores do Club Brugge contra a parede. 71% de posse de bola, 15 finalizações (4 no gol, 8 pra fora e 3 bloqueadas). Aos 55 minutos de jogo, Sergio Ramos diminuiu o placar com uma assistência de Benzema. Um pouco depois, aos 85 minutos, Casemiro fechou o placar com uma assistência de Toni Kroos, resultado final Real Madrid 2-2 Club Brugge.

Os merengues perderam a chance de figurar na parte de cima do grupo A. Escalações de jogadores como Lucas Vázquez e Nacho, só aumentarão a pressão sobre o time, ambos não fizeram uma boa partida. Zidane obviamente tem sua parcela de culpa, tanto na escalação, como em poupar jogadores que estavam tendo boas atuações, como Bale e James Rodríguez. Os jovens atacantes, Vinícius Jr e Luka Jovic seguem sem tantos minutos, o sérvio nem entrou na partida. Vale ressaltar também as atuações fracas que Hazard vem tendo com a camisa do Real Madrid, o belga foi contratado para ser um dos líderes desse novo projeto, e até agora não marcou nem deu assistências.

Próximo jogo do Real Madrid na UEFA Champions League, será no dia 22 de outubro contra o Galatasaray, na Turquia. No momento o Real Madrid é o lanterna no grupo A.

Resta1