Com VAR em ação, Santos vence lanterna do Brasileirão por 3 a 2 e se aproxima do G4

Goiás 2 x 3 Santos

O Santos empatou com o Goiás por 3 a 2, no Serrinha. Partida válida pela 13ª do Campeonato Brasileiro. O clube esmeraldino enfrentou o Peixe com novo comando, Ederson Moreira chegou em Goiânia para tirar o Goiás da lanterna do Brasileirão. O Alvinegro teve quatro desfalques para a partida: Lucas Veríssimo, Sanchez, Soteldo e Raniel. O zagueiro Veríssimo com edema na panturrilha, já o venezuelano Soteldo viajou para servir sua seleção. Entretanto, Sanchez e Raniel são casos mais graves, o uruguaio rompeu o ligamento do joelho e o atacante está internado com trombose.

Diego Pituca, Alison, Jobson, Kaio Jorge, Lucas Braga e Cuca estão pendurados para a partida. O técnico santista optou por improvisar o Alison na vaga ao lado de Luan Peres. Jobson e Arthur Gomes na companhia de Pituca no meio de campo. Ataque com Marinho, Lucas Braga e Kaio Jorge para as vagas de Soteldo e Raniel.

  • Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
  • Árbitro Assistente 1: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (Fifa/BA)
  • Árbitro Assistente 2: Jucimar dos Santos Dias (BA)
  • Quarto Árbitro: Anderson Ribeiro Gonçalves (GO)
  • Árbitro de Vídeo: Caio Max Augusto Vieira (RN)
  • Assistente 1 do VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
  • Assistente 2 do VAR: Clovis Amaral da Silva (PE)

PRIMEIRO TEMPO

Goiás saiu com a bola; o time mandante começou com a posse de bola e pressionando a saída de bola do Santos. O clube esmeraldino abriu o placar aos 4 minutos com Vinícius Lopes após cruzamento na linha de fundo. O VAR analisou o lance do gol por 3 minutos com um possível impedimento, porém foi validado. Marinho cobrou falta sofrida em frente grande área, bola bateu na barreira sem sucesso. Lucas Braga recebeu de Jobson, quando ia finalizar foi derrubado. Juiz foi auxiliado pelo árbitro de vídeo e marcou pênalti a favor do Peixe. Cartão amarelo para David Duarte pelo lance da penalidade. Marinho cobrou forte, sem chance para Tadeu e empatou para o Santos. Goiás arrancou o primeiro escanteio da partida, mas bola foi afastada pela defesa santista. Sandro arriscou de longe e bola passou ao lado da trave de João Paulo. Pará cruzou na área após passe de Jobson, mas Pituca finalizou para fora. Lucas Braga recebeu na área, mas defesa esmeraldina tirou para escanteio.

Marinho cobrou escanteio, bola ficou viva e Lucas Braga finalizou de bicicleta, mas Tadeu defendeu. No lance do escanteio, bola tocou no braço do Sandro. Árbitro de vídeo entrou em ação, mas juiz não marcou o pênalti. Cartão amarelo para Arthur Gomes. VAR entrou em ação novamente, árbitro anulou o amarelo, expulsando Arthur Gomes. Cuca levou cartão amarelo. Lucas Braga chegou na linha de fundo, tentou o cruzamento e zaga do Goiás tirou para escanteio. Jobson arriscou de longe após passe do escanteio curto cobrado por Marinho. Cartão amarelo para Victor Andrade após carrinho em Luan Peres. 10 minutos de acréscimos. Em grande defesa de João Paulo, ataque do Goiás estava impedido. Cartão amarelo para Daniel Bessa após falta em Marinho. Marinho cobrou falta sofrida, mas bola foi fora. Fim do primeiro tempo.

SEGUNDO TEMPO

Santos saiu com bola; time mandante começou pressionando o Peixe. Daniel Bessa finalizou por cima do gol após cobrança de falta pelo lado direito. Kaio Jorge foi travado no chute após cruzamento rasteiro do Marinho, bola ficou viva, Pará tentou o cruzamento, mas bola desviou em jogador adversário e marcou o segundo para o Peixe. David Duarte levou o segundo amarelo após falta em Marinho e foi expulso. Daniel Bessa arriscou de longe após rebote de falta, mas João Paulo defendeu. Cartão amarelo para Pará. Edilson cobrou falta frontal, mas bola foi por cima do gol. Madson entrou para a saída de Kaio Jorge que saiu com câimbra. Marinho saiu de maca, Marcos Leonardo entrou. Victor Andrade arriscou de longe, bola passou com perigo por cima do gol.

Madson cruzou rasteio após lançamento de Pará, mas Lucas Braga pegou mal e finalizou por cima. Pará lançou para Madson, que novamente, cruzou rasteio e Marcos Leonardo apareceu para marcar o terceiro do Santos. O Menino da Vila levou amarelo após tirar a camisa na comemoração. Victor Andrade pegou a sobra do lance, chutou cruzado e marcou o segundo do Goiás. Wagner Leonardo e Jean Mota entraram para as saídas de Felipe Jonatan e Lucas Braga. 4 minutos de acréscimos. Victor Andrade arriscou de longe e empatou para o Goiás. VAR entrou em ação e anulou o gol por impedimento. Mais 2 minutos de acréscimos. Fim da partida.

Classificado para as oitavas de final da Libertadores, o Santos enfrentará o Corinthians. O clássico alvinegro será na quarta-feira (07) às 19h, na Neo Química Arena. Veríssimo pode voltar para o clássico, porém Soteldo, Sanchez e Raniel ainda serão desfalques. Além de Arthur Gomes que foi expulso e cumprirá suspensão. Cuca estava pendurado, levou cartão e não poderá ficar na área técnica contra o Corinthians.

Créditos foto de capa: Reprodução Twitter Santos FC

Bernardo Silva rasga elogios ao Uruguai Fernando Santos confirma: Pepe será titular por Portugal Além de Neymar: craques que se machucaram em Copas do Mundo Espanha e Alemanha têm retrospecto geral equilibrado; confira jogos