Dúvida, Alison só reforça time na Libertadores após teste

O volante Alison, que desfalcou o Santos no empate sem gols contra o Botafogo no Rio de Janeiro no último domingo, fará um teste nesta segunda-feira no CT Rei Pelé, e dependendo do resultado, saberá se vai ou não se juntar ao time, que está no Rio de Janeiro, e de lá, vai direto para o Equador em um vôo fretado, para enfrentar a equipe do Delfin. A estratégia foi feita, de modo que desgastasse o mínimo possível os atletas, já que a maratona de jogos do Santos está intensa.

Caso o volante Alison ‘passe’ nos testes físicos, deverá seguir viagem para o Rio de Janeiro, e se juntar ao restante da equipe, que deve sair para o Equador, na terça-feira. Contra o Botafogo, Cuca optou em escalar Jean Mota ao lado de Carlos Sánchez no meio, deixando Diego Pituca como primeiro volante à frente da zaga. A atuação de Jean Mota, não foi das melhores, o que ainda pode gerar uma dúvida em quem colocar no meio campo, em caso do volante Alison não estar disponível.

A comissão técnica santista também aguarda o resultado dos testes para Covid-19. Na Libertadores, os exames são feitos cinco dias antes dos jogos, como exigência da Conmebol, e os testes foram coletados no domingo, no Rio de Janeiro. A expectativa santista é que o resultado saia antes da viagem para o Equador. A equipe do Santos enfrenta o Delfin na quinta-feira, no Estádio Jocay, na cidade de Manta, às 23h. O Santos lidera o Grupo G, com 7 pontos e uma vitória neste confronto, encaminha a classificação santista para a próxima fase.

(Foto: Ivan Storti / Santos FC)

Resta1

Filipe Dias

Editor do MF. Paulista de São Paulo, Mineiro de Guaxupé, fundador da GuaxuPeixe, Torcida do Santos em Guaxupé e Setorista do Santos FC.