FIFA ordena Santos pagar clube colombiano

A diretoria santista confirmou hoje, por meio do site oficial do Atlético Nacional, que por decisão da FIFA, ficou decidido que o processo movido pelo time colombiano, foi vencido pelo mesmo e o Santos deverá efetuar o pagamento das parcelas de dezembro de 2019 e março de 2020, referente à compra do zagueiro Felipe Aguilar, que chegou ao Peixe em janeiro de 2019.

Pela nota emitida pelo Clube colombiano, o Santos deverá pagar o valor de US$ 775 mil (R$ 4 milhões, de acordo com câmbio atual), com o acréscimo de juros e multas.

Segundo a nota emitida pelo clube, “O Atlético Nacional aguardará o cumprimento de todos os prazos estabelecidos para prosseguir com a cobrança dos valores devidos”. Os novos prazos estipulados pela entidade máxima do futebol não foram mencionados.

No início de 2019, a pedido do então treinador Jorge Sampaoli, Felipe Aguilar chegou ao Santos, pela aquisição de 100% dos direitos federativos comprados pelo valor de R$ 10 milhões. Desde sua chegada, o jogador não conseguiu se firmar no time principal santista, com oscilação de rendimento, sendo que as partidas contra o Ituano, pelo Campeonato Paulista, na sua estreia, onde o Santos foi goleado por 5 x 1, e contra o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro, quando o Santos foi derrotado por 3 x 2, consideradas com vexatórias a participação do zagueiro nos dois compromissos, com falhas consideradas primárias.

Outra situação que complica o atual momento, é o fato do zagueiro já ter sido negociado. O jogador foi vendido ao Athletico Paranaense, o que acabou deixando a diretoria colombiana insatisfeita com os atrasos. O jogador foi vendido por R$ 10 milhões e o dinheiro recebido foi utilizado para manter os salários dos funcionários em dia, durante a pandemia do novo coronavírus e, acertar os débitos com o clube colombiano, ficaria para uma outra oportunidade.

(Foto: Ivan Storti / Santos F.C.)

Os jogadores em atividade com mais partidas pela Argentina em Copas do Mundo Adversário duro! Relembre as campanhas da Croácia em Copas do Mundo Treinadores que podem deixar ou já deixaram o comando das Seleções após a Copa de 2022 Os jogadores em atividade com mais partidas de Copa do Mundo pela Seleção Brasileira