Opinião: Santos precisa poupar, mas necessita de ritmo de jogo

Brazil's Santos Argentine coach Ariel Holan gestures during the Copa Libertadores football tournament qualifying round match Argentina's San Lorenzo at the Mane Garrincha Stadium in Brasilia, on April 13, 2021. (Photo by UESLEI MARCELINO / POOL / AFP) (Photo by UESLEI MARCELINO/POOL/AFP via Getty Images)

O Santos perdeu ontem (20) para o Barcelona de Guayaquil (EQU) por 2 a 0 na Vila Belmiro. Em todo o jogo os atletas do clube equatoriano foram melhores e correram mais que os santistas.

Como esperado, as partidas do Campeonato Paulista estão sendo utilizadas para testes, sendo quase todas elas jogadas com o time reserva do Santos. Além disso, o calendário apertado de um jogo a cada 48h exige que o treinador poupe atletas.

Já nos jogos da Libertadores, obviamente, o Santos de Ariel Holan vai com o que tem de melhor. Mas como as partidas da competição continental são disputadas uma vez por semana, o treinador do Peixe poderia mesclar alguns titulares nos jogos do Paulistão.

Na derrota de ontem, houve uma clara falta de ritmo de jogo, uma vez que os atletas do Barcelona correram muito mais que os do Santos e foram muito superiores.

A próxima partida do Santos será na sexta-feira (23), às 22h15 contra o Novorizontino fora de casa. Com esse jogo e o clássico contra o Corinthians no próximo domingo (25), Holan poderia avaliar a situação física de cada um dos atletas titulares e ver quem poderia começar jogando um ou outro jogo do estadual.

O contrato de Ariel Holan com o Santos vai até o fim de 2023 e é claramente um projeto a longo prazo. Haverá toda a paciência com o treinador argentino e a crença em seu trabalho.

Foto em destaque: Getty Images

Palmeiras na temporada 2022 Brasileiros com mais gols na história do Campeonato Inglês TÍTULO DISTANTE! Veja as notas do Corinthians na derrota para o Palmeiras DOMÍNIO! Os campeões das últimas 10 edições da Liga Saudita de Futebol