Santos pode alcançar maior jejum de vitórias com Diniz contra a Juazeirense

Fernando Diniz de cabeça baixa na Vila Belmiro. Foto: Ivan Storti / Santos FC

O Santos pode alcançar a maior sequência de jogos sem vitória com o técnico Fernando Diniz caso não vença a Juazeirense nesta quarta-feira (28), às 19h15, na Vila Belmiro, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Com a derrota para o Atlético-GO no domingo (25), o Peixe somou três jogos seguidos sem vencer: empate com Red Bull Bragantino e Independiente (ARG) e o revés para os goianos na noite de ontem. Caso não supere o time baiano, Diniz chegará ao seu maior jejum de vitórias no comando do Alvinegro: quatro jogos.

A última sequência de três jogos sem vitória foi em maio, nas três derrotas seguidas para Barcelona de Guayaquil e The Strongest (Libertadores) e Bahia (Brasileirão). Após isso, o Santos venceu o Cianorte por 2 a 0, fora de casa, justamente pela Copa do Brasil e encerrou o jejum.

O jogo da volta contra a Juazeirense está marcado para o dia 4/8, às 19h15, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro.

Confira os valores que os clubes recebem por chegar em casa fase da Copa do Brasil.

  • Terceira fase: R$ 1,7 milhão
  • Oitavas de final: R$ 2,7 milhões
  • Quartas de final: R$ 3,45 milhões
  • Semifinais: R$ 7,3 milhões
  • Vice-campeão: R$ 23 milhões
  • Campeão: R$ 56 milhões

Portanto, o Santos já recebeu R$ 1,7 milhão por entrar na terceira fase da competição e mais R$ 2,7 milhões por eliminar o Cianorte.

Caso o Peixe avance pela Juazeirense, receberá mais R$ 3,45 milhões.