São Paulo domina, mas não agrada e perde para o Guarani

Partida dominante do tricolor contou com mais de 70% de posse de bola e 61 cruzamentos na área adversária

Após a derrota no clássico para o Santos ocorrida no último domingo, o São Paulo subiu à campo no Pacaembu nesta quarta-feira (31) com o objetivo de lavar a alma e seguir firme na campanha do Paulistão, mas infelizmente o tricolor paulista não conseguiu furar o bloqueio do adversário e preocupa há poucos dias do jogo na libertadores, contra o Talleres.

A partida ganhou ares de dificuldade já no primeiro minuto de jogo, quando William Matheus abriu o placar. Isso fez com que o Bugre, que já jogaria mais retraído, se fechasse ainda mais e isso dificultou muito o jogo do tricolor, que com Diego Souza e Pablo no comando do ataque, acabou abusando do jogo aéreo, foram 61 cruzamentos, dos quais apenas 18 foram certos. O meio-campo não teve poder de criação o suficiente e muitas vezes se viu o time trazendo o jogo por dentro ao invés de abrir, enquanto os atacantes ficavam na área para esperar a bola alçada.

O time se comportou de forma um tanto confusa, ainda perdeu Jucilei e Liziero por lesão e nem mesmo Hernanes conseguiu mudar o resultado da partida. O São Paulo não foi o mesmo que agradou nas duas partidas, mas também não fez um jogo igual ao futebol apresentado no clássico, porém não foi um time que soube variar seu modo de atacar e nas poucas chances que teve, parou na trave ou desperdiçou oportunidades claras de gol. Apesar de dominante, o tricolor não conseguiu traduzir em gol e acabou saindo derrotado pelo magro placar de 1 a 0.

O próximo adversário é também o último antes de enfrentar o Talleres-ARG. O São Paulo jogará contra o São Bento neste domingo (03), às 17h (Horário de Brasília), novamente no Estádio do Pacaembu.

FICHA TÉCNICA: SÃO PAULO 0 x 1 GUARANI

Local: Pacaembu, em São Paulo-SP
Data: 31/01/2019 (quinta-feira)
Árbitro: Douglas Marques das Flores
Assistentes: Tatiane Sacilotti e Gustavo Rodrigues de Oliveira

Gol: William Matheus (1min/1ºT)

Cartões amarelos: Felipe Amorim (18min/1ºT), Klever (37min/1ºT), Romisson (5min/2ºT), Ricardinho (45min/2ºT)

Público pagante: 11.498
Público total: 12.762
Renda: R$ 292.238,50

SPFC: Volpi; Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins (Hernanes, 18min/2ºT) e Reinaldo; Jucilei (Hudson, 26min/1ºT), Liziero e Helinho (Nene, 27min/2ºT; Everton, Diego Souza e Pablo. Técnico: André Jardine.

GFC: Klever; Léo Principe, Ferreira, Diego Giarreta e William Matheus; Romisson, Ricardinho, Felipe Amorim e Lucas Crispim (Inácio, 34min/2ºT); Thiago Ribeiro (Fernando Viana, 29min/2ºT) e Diego Cardoso (Fernandes, 46min/2ºT). Técnico: Osmar Loss.

DOMÍNIO! Os campeões das últimas 10 edições da Liga Saudita de Futebol RESERVA? Veja a provável escalação do São Paulo para enfrentar o RB Bragantino LUAN DE TITULAR? Veja a provável escalação do Santos contra o América-MG NA COLA DO LÍDER! Veja a provável escalação do Fluminense contra o Internacional