Vasco sai na frente, mas Cruzeiro vira e vence jogo agitado pela Série B

Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro

Pela 6ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, Vasco e Cruzeiro se enfrentaram pela primeira vez em clássico agitado pela Série B, com transmissão da TV Globo, mas a raposa saiu com os pontos.

O Gigante da Colina saiu na frente aos 8 minutos com gol de Morato e a raposa respondeu logo depois aos 14 minutos com gol de cabeça de Matheus Barbosa, após cobrança de escanteio. Aos 27 minutos, também da primeira etapa, após cruzamento, a bola sobrou novamente para Matheus Barbosa que vira o jogo com belo gol no Mineirão.

O clássico agitado também contou com um cartão vermelho para cada lado, para o volante Bruno Gomes pelo Vasco e o zagueiro Paulo, pela raposa.

O Cruzmaltino não contava com a presença do volante vascaíno Romulo na partida, que testou positivo para Covid no último exame realizado. Romulo, juntamente com o goleiro Vanderlei, não participaram do clássico transmitido pela TV Globo nesta quinta-feira 24/06. Além de, Michel poupado e Léo Matos em recuperação de um edema muscular.

Na próxima rodada do campeonato, o Cruzeiro enfrenta o CSA, em jogo fora de casa. Já o time da colina enfrenta o Brusque em casa, em São Januário, no Rio de Janeiro. Ambos no domingo (27).

Marcelo Cabo, fala que expulsão de Bruno Gomes desorganizou o Vasco e que time começou bem

O treinador vascaíno em entrevista coletiva, afirmou que vai “bater papo” com o volante para evitar novas expulsões: “A gente vai analisar com tranquilidade o contexto da expulsão. Ele retomou a titularidade e vivia um bom momento. Ele entendeu muito bem a função, é uma pena perdê-lo. Enquanto ele estava no jogo, o time tinha o jogo apoiado. Eu trabalhei muito para explorarmos o lado esquerdo do Cruzeiro. O Juninho, por exemplo, demorou a entender. É claro que temos de conversar, entender o contexto das outras expulsões. Eu não vi direito o lance, não entendi. Vamos orientá-lo para tentar minimizar isso”. afirmou Marcelo Cabo

“A gente começou o jogo muito bem dentro da proposta que a gente elaborou por essa partida. A gente começou muito bem organizado, bem compactado e controlando o jogo. E num jogo em que a gente estava com a posse de bola e um volume muito bom. Fizemos o primeiro gol e continuamos muito bem organizados no jogo. E aí tomamos um gol de bola parada onde trabalhamos bastante, sinalizamos bastante essa raspada no primeiro pau. Logo depois tomamos o segundo gol mais uma vez perdendo a posse de bola, e eles fizeram o gol”. completou o treinador, analisando partida e dizendo que na sua leitura de jogo, a expulsão de Bruno Gomes, ainda no primeiro tempo, foi fundamental para mudar o rumo da sua equipe na partida.